Monthly Archives: July 2014

Felipão, bem-vindo de volta a sua casa

FelipaoFoi uma longa ausência. Mas Luís Felipe Scolari está de volta ao clube que o projetou. Em suas andanças pelo mundo, conquistou grandes títulos, sofreu percalços e revezes.

Mas foi sempre altivo, como agora quando teve sua imagem chamuscada por uma derrota implacável na Copa do Mundo.

Forjado nos campos esburacados e embarrados do Interior gaúcho, onde enfrentou chuteiras hostis e dificuldades típicas dos clubes de menor expressão, Felipão não é de esmorecer nas adversidades. Nunca foi.

Felipão talvez até tenha pensado em dar um tempo a si próprio depois do golpe sofrido, mas não conseguiu resistir ao desafio de levar o Grêmio de novo ao caminho das vitórias.

O apelo de voltar ao seu clube do coração e voltar a trabalhar ao lado de Fábio Koff falou mais alto.

Juntos, Koff e Felipão viveram fortes emoções na década de 90. Com eles, a fantástica e insuperável torcida gremista viveu momentos inesquecíveis de extrema alegria.

Unidos, podemos viver de novo todas essas emoções reprimidas nos últimos anos.

Como cantava Geraldo Vandré, ‘quem sabe faz a hora, não espera acontecer’.

Vamos caminhar juntos.

Felipão, bem-vindo de volta a sua casa.

MOVIMENTO GRÊMIO MULTICAMPEÃO

Grêmio Multicampeão: reunião de avaliação da gestão e do cenário político do clube

foto 2Dentro de sua proposta de ouvir os principais dirigentes do clube e de buscar a integração entre os diversos segmentos da instituição, o Movimento Grêmio Multicampeão esteve reunido nesta terça-feira, dia 1º, com o conselheiro e vice-presidente do Grêmio Foot-Ball Portoalegrense, Romildo Bolzan Júnior, e integrantes da Associação Grêmio Unido.

Bolzan fez um relato dos principais fatos envolvendo a gestão, com ênfase para a relação Grêmio/OAS e para a atuação firme e insistente do presidente Fábio Koff no sentido de amenizar os efeitos nocivos do contrato com a poderosa empreiteira. O dirigente frisou que o Grêmio ainda vive um momento delicado, mas que conquistas significativas foram conseguidas graças ao esforço de uma liderança da estatura moral e ética de Koff. “O contrato no padrão anterior inviabilizava o Grêmio”, salientou Romildo Bolzan.

foto 1

O dirigente ainda fez comentários a respeito das eleições para a presidência do clube, neste segundo semestre, e para o corpo de conselheiros, daqui a dois anos. Para Bolzan, seria muito importante que os diversos grupos políticos do Grêmio se unissem em torno do clube. “Afinal, somos todos gremistas, queremos o melhor para o Grêmio”, observou. Ele entende que os movimentos devem ser mais ouvidos pelos gestores do clube, porque podem contribuir com os dirigentes trazendo uma visão com perspectiva diferente.

Depois de agradecer a presença de Romildo Bolzan, o presidente do Multicampeão, Maichel Mattiello, saudou também o presidente do Grêmio Unido, Sergei Costa, e seus companheiros de diretoria, avaliando que os dois grupos comungam de ideias muito parecidas no sentido de fazer o melhor para o clube. Mattiello adiantou que o Multicampeão vai continuar marcando reuniões com dirigentes do Grêmio, como já havia feito com Adalberto Preis anteriormente e agora com Bolzan.