Monthly Archives: August 2014

GRÊMIO: em defesa de princípios institucionais

No ano de 2012, em meados de agosto, às vésperas do processo de eleição direta para o Conselho de Administração do Grêmio FBPA (onde se elege nominalmente, também, o Presidente do clube que exercerá mandato nos dois anos subsequentes), um acontecimento registrado em vídeo por um torcedor indignou um grande número de sócios e torcedores que acessaram ao referido vídeo pelas redes sociais.

O registro revelava que, em um jogo do Grêmio, um grupo de um determinado candidato à Vereador da capital conseguira – não se sabe precisar exatamente com quem e de que forma – uma determinada carga de ingressos aos seus cabos eleitorais para um jogo do Grêmio no Estádio Olímpico em partida válida pelo Campeonato Brasileiro daquele ano (nosso time crescia na tabela, acabou em 3.º lugar, mas ao final não alcançou o Fluminense, campeão daquele ano).

Nas imagens, um grupo de gremistas, “adesivados” com a marca de campanha do mencionado candidato, entrava em bloco pelo portão 1 das sociais do Estádio Olímpico. A oposição, que à época se organizara em duas chapas (Chapa 1 – Avançar Juntos/ Fábio Koff e Chapa 3/ MGI/ Homero Bellini Jr) criticou duramente o ocorrido cobrando à época explicações da administração do clube e de seu Presidente, Paulo Odone. No debate público gerado sobre o “episódio das catracas”, dezenas de sócios do Grêmio, envolvidos ou nem tanto pelo processo eleitoral, opinavam em defesa do Clube e contra toda e qualquer utilização de sua estrutura e recursos materiais em favor de interesses partidários e eleitorais.

Dias depois do ocorrido a Chapa 1 venceu a eleição (com o nosso apoio). O assunto foi esquecido e, todos, inclusive a imprensa que repercutiu o caso, só falavam sobre a montagem do Grêmio para a Libertadores e a relação do Clube com a Arena.

O tempo foi passando, mas nem tanto. Em 2013, novas eleições, desta vez para renovação da metade dos integrantes do conselho deliberativo do Clube. E qual não foi a surpresa quando um ex-atleta do clube, Deputado Federal, que sequer tinha condição legal para concorrer, aliou-se a um determinado segmento político do Clube, e apresentou Chapa para concorrer, prometendo, além de “Faixa no Peito”, a resolução dos problemas de mobilidade urbana existentes no entorno da Arena e a garantia de que não faltariam recursos financeiros orçamentários, dado o seu elevado prestígio político na Capital Federal. Todos nós sabemos no que resultou esta promessa de campanha. Basta ir a um jogo qualquer na Arena, em qualquer dia e em qualquer horário para confirmar a continuidade de todos os problemas estruturais anteriormente existentes.

Pois não é que hoje, quando se aproximam novas eleições, tanto na esfera pública quanto para o C.A. do Clube, o assunto volta à tona? A utilização dos meios materiais do poder do Clube em favor de interesses partidários e eleitorais.

Na última semana, jornais da capital noticiaram que o mesmo ex-atleta do clube, Deputado Federal e, agora, candidato à reeleição, foi chamado pela direção ou “chamou-se” para “mediar” a relação clube-torcida após os incidentes do último GreNal. Ainda que não tenhamos nada em contra ou a favor deste político ou de outro qualquer não podemos nos furtar de criticar, como coerentemente sempre fizemos, o equívoco da decisão que, em se tratando da atual direção, é também uma grande contradição, pois, enquanto oposição, não se furtava de esbravejar seu descontentamento e protesto, como fez no caso do vídeo que mencionamos e em outros tantos episódios.

O problema, ao que parece, além de “cultural” apenas “muda de endereço”, alternando-se os beneficiários.

É óbvio que, às vésperas das eleições de outubro, todo e qualquer candidato que ganhe do Grêmio o poder de decidir temas de interesse das torcidas organizadas ou similares poderá lograr vantagens e projeção política desta condição (quem gestiona o tema – torcidas decidem, por exemplo, sobre acesso a ingressos, apoio a viagens, entre outros). Não por acaso, o mesmo Deputado possui pessoas ligadas politicamente a seu mandato em espaços de gestão do Clube, como reiteradamente vem sendo divulgado pela mídia.

Pelo exposto, nós do Movimento Grêmio Multicampeão, mais uma vez, manifestamos nossa insatisfação com a terceirização de problemas vitais de gestão do clube e, particularmente, com decisões estratégicas que privilegiam candidatos, segmentos e partidos políticos, ao invés de buscar contemplar os interesses institucionais em sua plenitude.

Movimento Grêmio Multicampeão

Gre-nal pode marcar início de nova era sob o comando de Koff e Felipão

Qual o gremista que nunca sonhou em ter de volta os multicampeões Fábio Koff e Felipão juntos no clube

Sonhar não custa nada diz o samba-enredo da Mocidade Independente, que fez muito sucesso justamente a partir do início dos anos 90.

Ah, a década de 90. Tantas vitórias, tantas conquistas, tanta alegria.

Os artífices daquele time tão vitorioso estão de volta. Foram eles os artesão que transformaram o material bruto e disperso numa obra de arte.

Uma obra que marcou história no futebol pela simbiose da técnica, da aplicação tática, da bravura e da indignação diante de uma situação adversa.

Parte de tudo isso foi se perdendo com o passar dos anos.

Em alguns momentos nesse período de trevas, o Grêmio se iluminou e deu esperança de que poderia ser de novo aquele GRÊMIO MULTICAMPEÃO.

Foram lampejos que serviram para reanimar a grande Nação Gremista e, principalmente, para mostrar que por debaixo das cinzas do espírito campeão ainda havia brasas acesas esperando por um sopro, um estímulo.

Pois esse momento chegou.

Koff e Felipão estão juntos novamente para realinhar o nosso GRÊMIO no caminho que sempre foi seu: o das vitórias, das grandes façanhas.

O Gre-Nal deste domingo pode ser o ponto de partida para essa retomada.

Estaremos em minoria na casa do rival, como já estivemos tantas vezes, o que nunca nos impediu de festejar uma vitória e calar a torcida adversária.

Felipão recém começa a conhecer os seus comandados. Mas quem conhece Felipão sabe que ele tem tudo para superar essa dificuldade e dar o primeiro passo rumo ao topo do mundo. O verdadeiro lugar do GRÊMIO.

Sonhar não custa nada.

Ainda mais quando se acredita firmemente nesse sonho.

MOVIMENTO GRÊMIO MULTICAMPEÃO